CHICO XAVIER - UM EXEMPLO PARA TODOS


Tributo a Chico Xavier

"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."



Filme As Mães de Chico Xavier



Chico Xavier - O Filme


Filme Nosso Lar


Filme E a Vida Continua






O maior e mais prolífico Médium Psicógrafo do mundo em todas as épocas. Nasceu em Pedro Leopoldo, cidade de Minas Gerais, em 2 de abril de 1910. Viveu, desde 1959, em Uberaba, a 494 km de Belo Horizonte. Completou o curso primário, apenas. Morreu aos 92 anos, em um domingo, em 30.06.2002, às 21:03 hs, em Uberaba, quando o Brasil ainda comemorava o pentacampeonato. Ele deitou para dormir no horário habitual e morreu cerca de dez minutos depois, em sua casa, no bairro Parque das Américas. Foi encontrado no quarto pelo filho adotivo, Eurípedes Humberto.

Em 1932 publica a FEB seu primeiro livro, o famoso "Parnaso de Além-Túmulo". Hoje as Obras que psicografou vão a mais de 400. Várias delas estão traduzidas e publicadas em castelhano, esperanto, francês, inglês, japonês, grego, etc.

Todos os direitos autorais foram cedidos graciosamente a Instituições de Caridade, nomeadamente à Federação Espírita Brasileira, e a instituições de Solidariedade Social. Quando as Autoridades Públicas lhe concedem títulos de cidadania ( mais de cem já lhe foram concedidos ), diz que o mérito não é para Ele, mas para os Espíritos e sobretudo para a Doutrina Espírita que revive os ensinamentos de Jesus na sua plenitude e que ele não passa de um poste obscuro para a colocação do aviso de que a Doutrina Espírita foi premiada com essas considerações públicas.

Mas falar de Chico Xavier é falar de EMMANUEL que indelevelmente estará ligado à sua missão. Esse venerando Espírito foi o seu protetor espiritual e manifestou-se-lhe pela primeira, vez de forma ostensiva em 1931, acompanhado-o desde então até seus últimos dias.



Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com





* Para quem quiser ler e ter em seu computador uma Pesquisa sobre a Psicografia de Chico Xavier, é só acessar o Site que contém Tese Literária de Alexandre Caroli Rocha, sobre a 1ª Obra Mediúnica de Francisco Cândido Xavier, que objetivou o Título de Mestrado em Teoria e História Literária da IEL – UNICAMP. É um Trabalho minucioso acerca de um dos mais e famosos Livros do Médium Mineiro :

Estudo sobre a Poesia Transcendente de Parnaso de Além-Túmulo - em PDF



* Para aqueles que quiserem assistir a três reportagens sobre a vida de Chico Xavier e os comentários após sua desencarnação, recomendo assistir os Vídeos abaixo, obtidos no Sistema Globo. Clique no botão "play" ( seta ) no centro ou no canto inferior esquerdo das imagens abaixo.

Para uma melhor visualização da matéria a seguir, evitando constantes paralisações das imagens, faz-se necessário o uso de Banda Larga :



Chico Xavier no Fantástico - 1








Chico Xavier no Fantástico - 2









Programa Globo Repórter de março de 2010,
faz uma justa homenagem à vida do maior
médium do mundo, Chico Xavier













http://oglobo.globo.com/sociedade/pesquisa-cientifica

Pesquisa científica avalia veracidade das cartas de Chico Xavier








RIO — O domingo de 3 de fevereiro de 1974 prometia muitas alegrias para o estudante de Engenharia Jair Presente. Ele havia saído de casa, onde morava com os pais e a irmã, para um animado fim de semana com os amigos. Mas, o passeio terminaria em tragédia: Jair morreria afogado na Praia Azul, em Americana, a 37 quilômetros de Campinas. A história do rapaz, porém, não acabaria ali. Ele teria escrito 13 cartas após a morte, reproduzidas em psicografias do médium Chico Xavier. Quarenta anos depois, uma pesquisa científica investigou o conteúdo das mensagens e comprovou a autenticidade das informações.

O resultado do trabalho foi publicado pela revista científica “Explore”, da Editora Elservier, sediada em Amsterdã, na Holanda, conforme imagens abaixo :


http://www.explorejournal.com

Revista Científica - Explore, da Editora Elservier, sediada em Amsterdã, na Holanda

Revista Científica - Explore, da Editora Elservier, sediada em Amsterdã, na Holanda


– Estas cartas produzem informações verificáveis. Não são informações genéricas. Trazem nomes de pessoas, situações que aconteceram, e estas informações eram, de modo geral, verídicas – observa o psiquiatra Alexander Moreira-Almeida, o diretor do Núcleo de Pesquisas em Espiritualidade e Saúde (Nupes), da Universidade Federal de Juiz de Fora, o orientador da pesquisa.

O estudo das cartas atribuídas a Jair Presente é o primeiro de uma série realizada pelos pesquisadores Alexandre Caroli Rocha e Denise Paraná, resultado do trabalho de pós-doutorado, parceria entre a Universidade Federal de São Paulo (USP) e a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

– A grande discussão que existe no meio acadêmico é se estas cartas, efetivamente, proporcionam evidências, informações verídicas, sobre a pessoa falecida, e se o médium não teria tido acesso por meios normais. Esta é a grande pergunta – atesta Almeida, também coordenador das seções de Espiritualidade e Psiquiatria da Associação Mundial de Psiquiatria.

O médium Chico Xavier, que morreu em 2002, chegou a ser acusado de infiltrar seguidores entre o público durante as seções espíritas, justamente para conseguir informações essenciais e inseri-las nas cartas. A acusação sempre foi refutada por admiradores do médium.

– A grande limitação do estudo – reconhece Almeida – é que estamos analisando fatos que aconteceram 20, 30 anos atrás. É difícil ter certeza do grau de informações passadas para Chico Xavier.

A metodologia da pesquisa incluiu entrevistas em profundidade com familiares e pessoas que tiveram acesso aos fatos, além da checagem de recortes de jornal e de outros documentos.

– Houve casos, por exemplo, nos quais nem as pessoas que foram obter a carta com Chico Xavier tinham aquela informação que estava na mensagem – observa Almeida – Apenas posteriormente foi feita uma investigação pelos próprios familiares para descobrir que aquelas informações eram também verídicas.

A pesquisa, porém, não é a comprovação de que as cartas foram mesmo escritas por alguém já morto, mas que as informações ali contidas são verdadeiras. Os pesquisadores se preparam para concluir as avaliações de conjuntos de mensagens de mais três casos psicografados por Chico Xavier. O médium passou pelo primeiro teste.

Leia mais sobre esse assunto em :

http://obraspsicografadas.org






http://acervo.oglobo.globo.com

Há 80 anos, o médium Chico Xavier era revelado em reportagens do GLOBO

Elcio Braga

A trajetória do médium Francisco Cândido Xavier, mais conhecido como Chico Xavier, um dos mais importantes símbolos do espiritismo no Brasil, ganhou repercussão nacional depois de uma série de reportagens publicadas pelo GLOBO, a partir de 1935. Foi a primeira vez que isso aconteceu: até então, o médium, de 25 anos, era um fenômeno local. O autor da série foi o repórter Clementino de Alencar, que passou dias em Pedro Leopoldo, a pequena cidade natal do médium, a 46 quilômetros de Belo Horizonte, para documentar a vida do rapaz.

Na ocasião, o enviado especial do jornal destacou que Chico Xavier tinha pouco acesso a livros e revistas, já que era bastante humilde (filho de um operário e uma lavadeira) e vivia no interior. Aos 5 anos, ele ficou órfão de mãe e passou a morar com a madrinha. Intitulada “Mensagens do além túmulo”, a série revelou trabalhos que teriam sido “ditados” ao médium mineiro por diversos escritores, incluindo Humberto de Campos, Augusto dos Anjos e Olavo Bilac. Nascido em 2 de abril de 1910, Chico naquela época já havia psicografado o primeiro livro ("Parnaso de além túmulo"), de 1932, atribuído por ele a vários espíritos. A coletânea apresentava 59 poemas assinados por poetas ilustres mortos.

Na década seguinte, em 1944, nova reportagem do jornal contou a história da sua conversão ao espiritismo e descreveu as sensações que experimentava quando psicografava. Numa das fotos publicadas, aparece o prefeito de Pedro Leopoldo, dr. Cristiano Otoni, rubricando as mensagens de “Emmanuel” psicografadas pelo médium mineiro. Em 1959, Chico mudou-se para Uberaba, no Triângulo Mineiro, onde passou a peregrinar por bairros da cidade, visitando lares carentes acompanhado por grande número de pessoas. Com os seus direitos autorais cedidos a editoras espíritas e a outras entidades, ele vivia do salário de datilógrafo do Ministério da Agricultura.

Em 1935, Francisco Cândido Xavier durante a entrevista Agência O Globo

Em 1981, o deputado Freitas Nobre entregou 110 quilos de documentos ao Instituto Nobel, na Suécia, que justificavam a indicação de Chico Xavier ao Prêmio Nobel da Paz. Os papéis resumiam a sua trajetória: quase 2 mil entidades giravam em torno da renda gerada por suas campanhas beneficentes. Cerca de 10 milhões de brasileiros assinaram manifestos para que ele recebesse o Nobel. Escritor de mais de 400 livros psicografados que venderam milhões de exemplares, Chico Xavier morreu de parada cardíaca em 30 de junho de 2002, aos 92 anos, em sua casa em Uberaba.

Quase 13 anos após sua morte — curiosamente, ocorreu no mesmo dia em que o Brasil conquistou o penta na Copa do Mundo de futebol —, Chico Xavier agora poderá ser visto como se estivesse vivo no memorial que leva o seu nome, em Uberaba. Em tamanho natural, o médium, sentado, abaixa a cabeça, coloca a mão esquerda na testa e começa a psicografar mensagem do além. Não é fantasma ou reencarnação do famoso médium. Chico voltará graças à holografia, a técnica que usa a profundidade e o relevo para retratar uma imagem. O Memorial Chico Xavier terá investimento de R$ 6,780 milhões, com participações da Prefeitura de Uberaba, do Ministério do Turismo e do Instituto Chico Xavier. O prédio, de 2.700 metros quadrados, inclui auditório com 240 lugares. O Memorial também aceita doações de fotos, vídeos e documentos sobre o médium, que faria 105 anos nesta quinta-feira, 02.04.15.





http://g1.globo.com/minas-gerais/Holograma-com-mensagem-de-chico-xavier.html

Memorial terá holograma com mensagem de Chico Xavier - O Globo




Através de hologramas, Chico Xavier poderá ser visto como se estivesse vivo - O GloboRIO — Doze anos depois da morte, Chico Xavier poderá ser visto como se estivesse vivo no memorial que leva o seu nome, em Uberaba. Em tamanho natural, o médium, sentado, abaixa a cabeça, coloca a mão esquerda na testa e começa a psicografar mensagem do além. Não é fantasma ou reencarnação do famoso médium. Chico voltará graças à holografia, a técnica que usa a profundidade e o relevo para retratar uma imagem. Se estivesse vivo, o médium faria 105 anos nesta quinta-feira.

O Memorial Chico Xavier já deveria ter ficado pronto, mas, graças aos seguidos atrasos, a imagem holográfica do médium ficará mais perfeita. O maior problema para construir o Chico virtual foi encontrar fotografias ou filmes em alta qualidade. Nas filmagens mais recentes, ele costumava sempre estar amparado por alguém, inviabilizando o recorte do corpo inteiro.

A saída foi recriar a face com computação gráfica — observa André Brandão, diretor de criação da Blumer Art Interativa, responsável pela novidade.

O visitante não poderá se aproximar muito, o que revelaria todo o jogo de luzes e projeções. O realismo será garantido com o controle de luz cênica e a sensação de profundidade no ambiente onde a imagem será projetada.

No final de um corredor, tem uma vitrine de vidro, como se fosse uma janela. Vamos projetar o Chico dentro de uma sala na posição na qual ficou mais famoso (sentado, com a mão na testa e psicografando) — explica André.

O visitante não enxergará a tela em que a imagem de Chico se projeta. Um jogo de luzes ajudará a criar o efeito de que o médium está ali. Segundo André, kardecista e colaborador do projeto, a imagem estará totalmente pronta em um mês.


Investimentos de R$ 6,7 milhões

Para poder ver a figura, porém, será necessário inaugurar o Memorial Chico Xavier, um investimento de R$ 6,780 milhões, com participações da Prefeitura de Uberaba, do Ministério do Turismo e do Instituto Chico Xavier. O prédio tem 2.700 metros quadrados, incluindo auditório com 240 lugares.

As obras estão na fase final e devem terminar em junho/2015, mas ainda falta adquirir toda a parte de mobiliário e equipamentos.

Já realizamos 98% das obras. É o acabamento final. Seria o passar o batom — explica Adalberto Pagliaro, presidente do Instituto Chico Xavier. — Mas ainda precisamos de investimentos de R$ 2,6 milhões para comprarmos os equipamentos e a mobília.

Sem o mobiliário, o Memorial não abrirá. O presidente do instituto, porém, não arrisca data de inauguração. As últimas projeções não se confirmaram.

Quem quiser doar totens, computadores, cadeiras para auditório e outros equipamentos pode entrar em contato em nosso site. Só teremos a data quando tudo estiver pronto — avisa Adalberto.

O Memorial também aceita doações de fotos, vídeos e documentos sobre o médium. O doador pode até mesmo entregar apenas cópias.


Acervo da história do médium

A finalidade do Memorial é reunir o maior acervo sobre o Chico Xavier e disponibilizá-lo à consulta — observa Saulo Gomes.

Saulo foi presenteado no Memorial, inclusive, com o espaço que leva o seu nome. É ali que ficarão os seus arquivos de reportagens com o médium desde 1968, quando o convenceu a quebrar um longo jejum de entrevista. Foi também Saulo que levou Chico ao "Pinga Fogo", da extinta TV Tupi. O programa bateu recorde de audiência e se tornou um marco para o kardecismo no Brasil.

Saulo está na expectativa de que o Memorial possa ser inaugurado em 30 de junho, a data de aniversário de morte de Chico Xavier. Segundo ele, há grande interesse da Prefeitura de Uberaba e de muitos admiradores em viabilizar o mais rápido possível as condições necessárias para abertura do espaço. A ansiedade, segundo ele, para ver o médium como se ele realmente estivesse vivo é muito grande.

Vai ser uma emoção muito grande rever o Chico, um ser único — diz Saulo.


O sócio proprietário da empresa responsável pela implantação, André Brandão, afirmou que a proximidade com a doutrina kardecista e a inspiração pela solidariedade foram essenciais para a doação. “Um cliente nos indicou para o pessoal do Instituto, que nos procurou. Como tinha a ver com o Chico Xavier, não pensamos em ter lucro, pensamos em fazer nos mesmos moldes da obra fdele e fazer a doação”, destacou.

Holograma trará mensagem de gratidão como em psicografia
( Foto: Blumer art.Interativa/Divulgação )“Estamos fazendo a computação gráfica em São Paulo e refizemos as imagens, pois são em baixa resolução. A nossa parte deve ficar pronta em um mês, no máximo. Será uma mensagem de agradecimento, que tem 2 min 30. A holografia vai ser como se ele tivesse psicografando essa mensagem, que ficará se repetindo. No memorial, tem um corredor com uma espécie de vitrine no final. Lá dentro é que terá a imagem do Chico, como se desse para ver ele por uma janela”.

André afirmou ainda que a mensagem que será reproduzida já foi escolhida. O trabalho deve ficar pronto em cerca de um mês, e então será destinado a Uberaba conforme o andamento das obras internas no memorial. O Memorial Chico Xavier está sendo construído no terreno ao lado da Mata do Carrinho, na Avenida João XXIII. A obra foi iniciada em 2011 e, segundo Adalberto Pagliaro, o espaço trará materiais multimídia sobre a filosofia de vida de Chico Xavier. O presidente do instituto atenta também para a importância das doações para o acabamento e acervo, cruciais para a conclusão de toda a obra.

“Da parte física da obra temos uma previsão de que, no tardar, estará pronto em junho. Agora, a parte que tem o sistema de estandes da biblioteca, computadores, painéis, mesas, cybercafé e cadeiras do auditório dependerá da liberação da obra física para o início da obra interior. Já temos boa parte do acabamento recebido em doações, mas não é o suficiente para colocar o memorial em funcionamento”, afirmou.

Mais informações e Vídeo explicativo em :
http://oglobo.globo.com/chico-xavier-podera-ser-visto-como-se-estivesse-vivo












Voltar à Página Principal




Free Web Hosting